CARBOXITERAPIA

A carboxiterapia é o termo conhecido na terapêutica intradermica (derme) ou subcutâneo (hipoderme) do gás carbônico.
A carboxiterapia é uma técnica na qual o gás carbônico é injetado no tecido subcutâneo utilizando-se uma agulha fina (agulha – insulina ou 30g), melhorando a circulação e oxigenação dos tecidos, promovendo a diminuição da celulite, gordura localizada, flacidez, olheiras, micro-vasos entre outras disfunções estéticas.
Vale salientar que, esta técnica deve ser realizada por profissionais habilitados e capacitados através de cursos do tipo de Aprimoramento em Carboxiterapia – Facial e Corporal. Em São Paulo, há algumas instituições que promover este tipo de curso como Departamento de Aprimoramento em Fisioterapia Dermato-Funcional (Beltrão Esthetic – www.beltraoesthetic.com.br).

Uma vez que a carboxiterapia também estimula a formação de colágeno e novas fibras elásticas, ela também pode ser indicada para o tratamento de estrias, olheiras, linhas de expressão e cicatrizes.
Vale lembrar que além medicina estética, outras especialidades também se beneficiam da carboxiterapia como: angiologia, urologia, reumatologia etc.
É possível notar, com poucas aplicações, a pele mais saudável, enrijecida, e a redução de medidas. O tratamento inclui de 10 a 30 sessões, divididas em uma ou duas vezes por semana. A sessão dura de 15 a 30 minutos, dependendo da região a ser tratada.
O tratamento de carboxiterapia é realizado, em alguns casos, associados com outros procedimentos como drenagem linfática manual, dietoterápia, radiofreqüência, tratamentos a laser, isotônia – corrente russa entre outros procedimentos a critério do profissional com a finalidade de acelera os resultados.
Após o procedimento é aconselhável ao paciente evitar emersão na água por 4 horas tal como banhos, natação, sauna ou qualquer prática esportiva após o procedimento, devida os efeitos adversos da hipotensão.

O procedimento é seguro sendo este registrado nas normativas da comunidade Européia desde 2002 (CE 0051). Está definido como dispositivo da área médica, classe II b e apresenta padrões “standard” de qualidade aplicada e segurança. Este mesmo procedimento tem aprovação pelo F.D.D. Americano e Ministério da Saúde Brasileira (ANVISA) – Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Há grande número de publicações cientificas a partir dos anos 50, embora a maior parte concentre-se entre 1985 e 2010.
O Tratamento utiliza o CO2 – Anidro-Carbônico, um gás atóxico, não embólico presente normalmente em nosso corpo como intermediário do metabolismo celular. O CO2 puro medicinal é o mesmo utilizado corriqueiramente em cirurgia videolaparoscopica (para promover a dilatação abdominal) histeroscopia e como contraste em arteriografias.
Na prática médica é utilizado o gás carbônico para promover pneumo-peritônio em cirurgias endoscópicas utiliza fluxos de até 1000 ml/min. com segurança e os volumes totais freqüentemente ultrapassam 10 litros, sem que haja efeitos sistêmicos significativos.
Os possíveis efeitos colaterais limitam-se a dor durante o procedimento pequena hematomas decorrentes a punção e sensação de crepitação no local e o aumento da pressão parcial que desaparece, me média, em até 30 minutos. Não é necessário fazer repouso ou qualquer outro tipo de tratamento complementar, já que você poderá retornar às suas atividades normais ao fim de cada sessão, salvo as orientações passadas acima.
De um modo geral, todas as pessoas podem desfrutas dos efeitos da carboxiterapia, com exceção de gestantes, cardiopatas e paciente que não estejam hemodinamicamente estáveis. Mas muita atenção! Embora, não apresente riscos aparentes, é aconselhado que a técnica seja aplicada por um profissional capacitado e habilitado. É ele que vai garantir a eficácia do tratamento.


Dr. Milton Beltrão Jr
Um dos pioneiros da técnica Carboxiterapia no Brasil
•Especialista em Fisioterapia Dermato-Funcional pela FMU-SP (2008);
•Bacharel em Fisioterapia formado pelo Centro Universitário São Camilo-SP (2006);
•Aprimoramento em Terapias de SPA´S e Clínica de Estética - Centro Avançado de Estética PAYOT-SP - Diretor Clínico e Sócio - Beltrão Esthetic - SP;
•Palestrante em diversos Simpósios e Mini-Cursos em instituições: BIOSET-SP, PAYOT-SP, UNITALO-SP, CAMPCURSOS- SP/Campinas-SP, Markesine Esthetic - Salvador, Onove-SP,Centro de Estudos e Treinamento Ana Carolina Puga – Sertãozinho – SP, Posture - SP entre outras instituições;
•Palestrantes dos seguintes temas Microgalvanopuntura, Carboxiterapia, Peeling Químico e Físico, Radiofreqüência e Laser - Diodo e Luz Intensa Pulsada;